Guia de sobrevivência do Coachella: a sua lista essencial de dicas para o Coachella

Language Specific Image

Quer seja um aficionado por festivais, um raver em part-time ou um novato na cena musical, não há dúvida de que já ouviu falar do Coachella – e provavelmente tem-no na sua lista de desejos.

Com os headliners do passado como Beyoncé, Eminem e Radiohead, e o alinhamento deste ano incluindo Tame Impala, Ariana Grande e Childish Gambino, o FOMO pré-Coachella atinge-nos todos os anos por esta altura. Se tiveres a sorte de ter uma cobiçada pulseira para 2019, ou se a festa no deserto estiver nos teus planos para os próximos cinco anos, estas dicas definitivas do Coachella vão ajudar-te a sobreviver e a prosperar durante o melhor fim de semana da tua vida.

📷 @andrewruiz

  1. Escolher um fim de semana

Em primeiro lugar, tens de escolher um fim de semana, e ambos os fins-de-semana têm as suas vantagens. O primeiro fim de semana estará repleto de surpresas, desde listas de concertos e montagens de palcos até às celebridades mais badaladas que querem ser fotografadas pelos papistas, se é isso que te interessa.

Eu sou um Second-Weekend-Warrior™ e digo-te porquê. Para além de se resolverem os problemas técnicos do primeiro fim de semana, os festivaleiros do segundo fim de semana podem aprender com os erros dos seus antecessores em termos de logística de onde ir e quando, que artistas mais pequenos valem a pena ver e que food trucks servem os melhores petiscos (ver dica n.º 6 para essa)

  1. Isto vai ser em tendas

Com a sua escolha de fim de semana anotada no seu calendário (provavelmente deve dizer “os melhores três dias da minha vida”), é hora de reunir os seus amigos e descobrir onde ficar. O Coachella oferece passes para acampar (com e sem espaço para o carro) e dormir em uma barraca no festival é definitivamente uma parte da autêntica experiência do Coachella.

Um passe de acampamento custa cerca de $125USD e dá direito a um lugar para acampar para o número de pessoas que couber, bem como para o seu carro, por isso é absolutamente o melhor custo-benefício em termos de opções de acomodação. Falaremos mais sobre como sobreviver à vida em tenda mais abaixo nesta página.

  1. Alguém disse “upgrade”?

Se te consideras um pouco flashpacker, ou se recentemente recebeste uma inesperada quantia de dinheiro, o Lago Eldorado é a tenda de glamping no local, também conhecida como a cidade dos sonhos.

Vai custar cerca de $2500USD para duas pessoas numa tenda ou $3300 para uma tenda para quatro pessoas, MAS isso inclui passes para o festival (no valor de $475 cada), estacionamento e o seu alojamento para todo o fim de semana, por isso acaba por ser razoavelmente rentável. O Lago Eldorado é uma área exclusiva para membros com todos os luxos, como casas de banho com autoclismo, uma tenda com WiFi gratuito, estações de carregamento, um armazém geral e transportes para o supermercado. Parece o paraíso!

  1. Dê-me esse ar condicionado

Embora acampar no deserto seja uma experiência fantástica, algumas pessoas preferem um teto sobre as suas cabeças, ar condicionado e um colchão a sério. Há muitos hotéis e apartamentos para alugar nos subúrbios perto do Empire Polo Club, como La Quinta, Palm Springs, Indio e Indian Wells.

Pode reservar um passe de transporte com antecedência, que o levará de e para o festival a partir de qualquer um dos principais hotéis da zona, uma vez que a Uber estará em pico de preços durante todo o fim de semana.

📷 @ericjamesward

  1. VIAGEM DE CARRO!

Se vai conduzir, não se esqueça de preparar o seu carro e os seus companheiros de viagem para o Carpoolchella! Todos os anos, o Coachella colabora com a Global Inheritance, uma organização sem fins lucrativos centrada na criatividade e na capacitação, para organizar um concurso de partilha de boleias para carros com quatro ou mais pessoas para ganhar passes vitalícios para o festival.

Certifica-te de que tens, pelo menos, mais três amigos no carro, enfeita o teu veículo com cores e padrões, certifica-te de que a menção “CARPOOLCHELLA” está bem visível no teu carro e estarás apto a ganhar o grande prémio ou montes de prémios mais pequenos, como upgrades VIP, vouchers de merch e passes de acesso total.

  1. Entra na minha barriga

Vamos falar de comida! Enquanto a comida dos festivais é famosa por ser desleixada, pouco saudável e cara, a do Coachella é uma história completamente diferente. Desde os clássicos food trucks de culto às cadeias americanas, passando pelos locais veganos e pelo famoso bar Tiki, a cena da comida e da bebida é praticamente um festival em si.

O alinhamento completo de comida ainda não foi anunciado, mas incluirá camiões espalhados pelos campos, além do Indio Central Market, que alberga 15 bancas de restaurantes, restaurantes pop-up e muito mais. Não perca as taças de batido de pequeno-almoço do Backyard Bowls, os hambúrgueres do Cassell’s Hamburgers e os tacos de gelado do Sweet Rolled Tacos. Sim, acabei de dizer tacos de gelado.

📷 @_jillianrogers

  1. Comida de campismo

Se vai acampar, pode poupar algum dinheiro se for esperto com a comida e a bebida que traz consigo. Se tiver mais de 21 anos, pode levar uma caixa de latas de cerveja ou uma caixa de vinho por pessoa, mas não são permitidos copos nem bebidas espirituosas. Pode trazer qualquer tipo de comida sem limites e os locais de campismo para automóveis podem ter um pequeno fogão a propano por local, desde que cumpra todas as regras (encontradas aqui). Não são permitidos fogões nos locais de campismo para tendas ou no Lago Eldorado.

Um bom kit de sobrevivência alimentar para o Coachella seria: Gatorade, água de coco, garrafas de água (não metálicas, se quiser levá-las para o festival), barras de muesli, nozes, frutas, pão, recheios de sanduíches e talvez bacon e ovos, se tiver um fogão. É provável que tomes o pequeno-almoço na tenda, lanches durante o dia e jantes num camião de comida quando tiveres uma pausa para música.

Também há armazéns gerais nos parques de campismo, por isso, se ficares sem qualquer necessidade, terás fácil acesso para te reabasteceres.

  1. Guia de sobrevivência no campismo

Sejamos realistas por um momento: acampar com várias pessoas em pequenas tendas, onde as temperaturas matinais atingem os 30º C, pode ser… um teste. Aqui estão algumas coisas que podem salvar a vossa amizade e a vossa sanidade.

  • Um kit de primeiros socorros com analgésicos, ligaduras, pó eletrolítico e Imodium
  • Desinfetante para as mãos
  • Toalhetes de rosto para o pó
  • Um martelo para as cavilhas da tenda
  • Fechos de correr para as rupturas diversas
  • Creme solar
  • Batom para a boca
  • Lanterna
  • Uma extensão eléctrica, para poder carregar vários aparelhos na estação de carregamento
  • Uma mesa e cadeiras de campismo
  • Uma pequena piscina insuflável, perfeita para manter as bebidas e os corpos frios, basta enchê-la com gelo do armazém geral
  • Mini ventoinhas alimentadas por USB
  • Repelente de insectos

📷 @bobbystevenson

  1. O melhor duche da tua vida

O parque de campismo tem chuveiros gratuitos em vários lotes, alguns funcionam 24 horas e outros estão abertos entre as 7h e as 14h, e depois novamente das 20h às 2h. Estes últimos são mais limpos, mas também têm filas mais longas. Nunca é demais sublinhar como vale a pena esperar na fila do duche quando abrem às 7h, depois de ter sido limpo, quando se acaba de acordar numa tenda a 50º e se tem uma camada espessa de pó por todo o corpo. Estive na fila durante uma hora e meia para um duche de cinco minutos, mas foi sem dúvida o melhor duche da minha vida.

  1. O que posso levar para o Coachella?

O festival em si tem regras bastante rígidas sobre o que você pode trazer para dentro, mas a maioria delas é de senso comum. Não são permitidas câmaras profissionais (com lentes amovíveis), drones, drogas, cadeiras, garrafas de água de metal ou alumínio, latas de aerossol, selfie sticks, cartazes e cobertores grandes.

Pode (e deve) trazer GoPros, garrafas de água não metálicas vazias (há estações de recarga), carregadores de bateria portáteis, CamelBaks, mochilas de tamanho médio, pequenas mantas e toalhas de praia, chapéus, bandanas e toalhetes húmidos.

  1. O que importa é o percurso

O Coachella tem um palco principal, um teatro ao ar livre e cinco tendas com vários artistas e eventos durante todo o dia e toda a noite. Para aproveitar ao máximo o fim de semana, é preciso descobrir quem você quer ver e qual é o melhor caminho para isso. É aqui que ser um segundo weekender é útil – peça conselhos a alguns veteranos do primeiro fim de semana que aprenderam da maneira mais difícil.

  1. A famosa roda gigante do Coachella

Não pode ir ao Coachella sem andar na Le Grande Wheel pelo menos uma vez, nem que seja só pela vista da multidão insana e do recinto do festival. Pontos de bónus se a puderes fazer ao pôr do sol para tirares as melhores fotografias!

Dica de profissional: se estiveres a planear fazer flashes aos festivaleiros do topo da roda, ou fazer qualquer outra coisa *ahem* inapropriada (acredita em mim, no Coachella vale tudo), fica a saber que as pessoas nas cabines de ambos os lados te conseguem ver com bastante clareza.

📷 @domcarver

  1. Planeie os seus pontos de encontro

Num festival no deserto com mais de 100.000 pessoas, não se pode contar com o sinal de telemóvel para nos proteger. Se estiver com um grupo de pessoas, tenha sempre alguns pontos de encontro de emergência e horários planeados ao longo do dia e da noite entre os grandes espectáculos. Seja específico (“encontre-se à porta da carrinha de tacos” não ajuda quando há dez carrinhas de tacos diferentes) e certifique-se de que todos escrevem a hora e o local na mão, para o caso de se encontrarem numa situação em que um estranho ou um segurança tenha de os ajudar.

  1. Não exagerar

O Coachella é um lugar épico, independentemente do que estiveres a comer, a beber ou a fumar. Conheça as regras, esteja preparado para as consequências de suas ações e não exagere a ponto de machucar a si mesmo ou aos outros, ou esquecer que toda a experiência aconteceu. Sabe o que é menos divertido do que acordar numa tenda a 50º? Fazer isso com uma ressaca de morte.

As tendas médicas estão preparadas para qualquer tipo de ferimento ou doença, e estão lá para o ajudar a sentir-se melhor se não estiver bem. Não tenhas medo de fazer uma visita se tu ou um amigo precisarem, e sê honesto com os médicos sobre quaisquer substâncias que tenhas consumido durante a noite.

📷 @poisonaivy

  1. Não se trata apenas de música

O festival é muito mais do que os maiores artistas do mundo a atuar em palcos enormes – há muitas instalações artísticas, espaços de relaxamento e eventos para ver também. Desde ioga ao nascer do sol e discotecas silenciosas a bancas de tie-dye DIY e aulas de arte, há literalmente algo para todos. Os eventos de cada ano são anunciados no guia do festival e na aplicação Coachella.

  1. O melhor guarda-roupa do Coachella

um dos aspetos mais falados do Coachella é o que todos vestem, e tornou-se o lugar para celebridades, influenciadores e fashionistas locais mostrarem as suas roupas. Você verá de tudo, de boho a Soho, de caubói a inspirado no espaço, de ternos de treino dos anos 90 a alta costura hippie dos anos 70, ou talvez até mesmo pintura corporal completa. Basicamente, é só fazer o que quiser, mas certifique-se de que usa calçado confortável.

📷 @globelet

  1. Caramba, que calor!

Seja inteligente quanto à proteção contra o sol e o calor assim que o festival começar. Leve um chapéu, uma garrafa de água que não seja de metal, óculos de sol, protetor solar e batom para todo o lado, e mantenha-se hidratado durante todo o dia. Espere temperaturas de até 35° durante o dia, ar mais quente nas tendas, e mínimas entre 13 e 17 à noite, o que pode exigir um casaco leve se estiver ao ar livre. A insolação e a insolação são verdadeiros estraga-prazeres, por isso não subestime o efeito que a temperatura pode ter sobre si e, mais uma vez, utilize as tendas médicas se precisar delas

  1. Feche tudo

Há cacifos disponíveis no local que pode comprar antecipadamente para os três dias. Se estiver a acampar, é melhor deixar as coisas no seu parque de campismo, mas se ficar fora do local, um cacifo pode ser útil para guardar snacks, carregadores, casacos e qualquer outra coisa que não queira carregar durante todo o tempo. Os custos são de cerca de 55 dólares por três dias para um cacifo médio, e recebe um depósito de 10 dólares quando devolver a chave.

  1. Tire uma fotografia de segurança

Escreva o seu nome completo, morada, lote da tenda e o número de um amigo nas notas do seu telemóvel, faça uma captura de ecrã e coloque-a como fundo. Vai sentir-se tentado a mudar para uma foto básica (sem julgamento, todos nós o fazemos) de si e da sua melhor amiga em frente à roda gigante com o sinal de paz no ar, mas garantimos que nos vai agradecer se perder o seu telemóvel e alguém o devolver.

  1. Ser um bom humano

Em suma, não há regras para o Coachella (exceto, como sabem, a lei). Seja gentil, divirta-se, absorva as boas vibrações, vista o que você se sente confortável, coma comida gostosa, faça amigos, capture memórias, viva o momento e respeite a terra enquanto faz isso. Mantém-te seguro, cuida de ti e cuida dos teus companheiros de festival. Vai ser um dos melhores fins-de-semana da tua vida e vais recordá-lo para sempre. Ah, e podemos ir?!

📷 @jessicaz no Flickr

Sobre o autor:

Alexx é uma viajante Kiwi obcecada por encontrar as melhores coisas para ver, fazer e comer em cada sítio que visita. É viciada em queijo, adora uma folha de cálculo de planeamento de viagens e é alérgica a trabalhos de secretária. Está prestes a embarcar num projeto épico de viagem de 52 semanas e 52 países, e pode seguir as suas aventuras em @findingalexx.

Continue lendo: ⬇️

🌟 F esta à volta do mundo – o seu guia para os melhores festivais de EDM

🌟 F aça barulho nos melhores festivais de Marrocos

o seu festival na Croácia

Deixe um comentário

Get the App. QRGet the App.
Get the App. QR  Get the App.
Scroll to Top