5 razões porque os 20 e tantos anos são a melhor época pra viajar

Foto 1

As primeiras experiências de viagem nem sempre são as melhores. Às vezes, assim como um bom vinho, quanto mais velho você fica, melhores as suas viagens.

É verdade que muita gente decide pôr o pé na estrada ainda bem jovem ou no final da adolescência. Mas há muitas razões para acreditar que viajar com alguns anos a mais tem seus benefícios. Na real, viajar aos 20 e tantos anos pode ser a melhor idade de todas…

1) Você se dá bem com praticamente todo mundo

Os 20 e tantos (ou 20 e poucos, dependendo do seu ponto de vista) são um período de transição. Um pé na juventude e liberdade, o outro na vida adulta e na responsabilidade. Você ainda é jovem e sabe como se divertir, mas ao mesmo tempo maduro o bastante para saber alguns coisas sobre o mundo lá fora.

Nos hostels, você pode curtir uma festa com a garotada em férias da escola, assim como ter um bom papo-cabeça com um viajante mais experiente sobre politica internacional. Do tipo versátil, você pode se encaixar em qualquer grupo numa boa.

2) Você sabe apreciar as boas coisas da vida

A vida não se resume mais só à cerveja barata e fast food. Depois da formatura (e das farras da faculdade), você ganhou experiência e aprendeu a gostar das coisas boas da vida. Uma cerveja artesanal vai sempre ganhar do latão. Uma boa taça de vinho nem se compara com aquela tirada do barril vendido no botecão da esquina. Gastar um pouquinho mais para ficar em um lugar bacana, sem o caos de um quarto de hostel dividido com mais 15 pessoas, é algo que você considera fazer sempre que possível.

Mesmo economizando um pouquinho menos do que nos seus tempos de viagem da adolescência, você agora gasta com o que realmente importa e sabe dar valor as coisas. Com a idade, vem junto um pouco de bom senso, e isto inclui abrir mão de algumas pequenas economias no caminho para poder curtir outras com mais conforto.

Foto 2

3) Você sabe contrabalançar festa e cultura

As viagens no seus 20 e poucos são mais, digamos, balanceadas, e você não perde nada com isso. Você já não passa mais a semana inteira fazendo festa a noite toda e sem quase nunca ver a luz do dia nas cidades por onde passa. Em vez disso, você sai sim para curtir algumas noites, mas adora passar os outros dias da viagem caminhando e vendo tudo que tinha marcado no guia de viagem.

E eis uma verdade: ressacas pioram com a idade, e você sabe que passar a viagem toda com a cabeça girando ou o estômago embrulhado é algo que você vai querer evitar (quase) sempre.

4) Você é jovem o suficiente para se safar com alguns erros, mas esperto o suficiente para fugir de roubadas

Com uma carreira profissional e a ideia de “sossegar” no seu futuro próximo, aos 20 e poucos você sabe como curtir sem pegar tão pesado. Claro que, de vez em quando, beber demais numa noitada ou acabar saindo com alguém que você tem certeza que não deveria, não é o “ideal”… mas tudo bem! Ainda somos jovens e ninguém vai nos julgar por isso.

Independente dos tropeços e erros aqui e ali, nosso quarto de século neste planeta já nos ensinou alguns truquezinhos também. Diferente de alguns anos atrás, quando éramos jovens e inocentes demais, agora sabemos quando uma decisão pode levar a algum erro irremediável. Hoje em dia, a gente não age tanto sem pensar ou por impulso. Sabemos que não somos invencíveis; portanto, deixar nossas viagens um pouco mais seguras faz parte do processo.

Foto 3

5) Você é mais independente e confiante

Viajar na adolescência era mais caracterizado por “com quem você vai” do que por “onde você vai”. Hoje em dia, você tem mais confiança em arrumar a mala e sair para ver o mundo por conta própria. Claro que você pode não curtir fazer uma refeição sozinho, por exemplo, mas a sua jornada terá bem menos inseguranças do que se fosse alguns anos atrás.

Os 20 e poucos anos são uma época em que você começa realmente a conhecer a si próprio. Você assume sua identidade, seus gostos, e sua viagem se torna ainda melhor. Com uma mente mais aberta, você está pronto para experimentar coisas novas, ficar amigo de pessoas que você normalmente não ficaria e tomar decisões sem precisar dos conselhos dos outros.

Então, você, jovem de 20 e tantos, a vida séria que se aproxima não precisa (e nem deve!) ser impeditivo algum. Pegue a mochila e saia para ver o mundo antes que seja, de fato, tarde demais!

E aí, concorda ou discorda? Dê sua opinião nos comentários abaixo…

Deixe um comentário

Rolar para o topo