50 coisas para fazer na Europa gratuitamente

Vai viajar para o velho mundo no próximo verão? Quer saber como entrar no Louvre em Paris sem pagar um cêntimo? Gostaria de saber como obter uma refeição gratuita em Milão? Estás com sorte! A fantástica equipa do Hostelworld.com reuniu as cinquenta melhores coisas para fazer na Europa de graça. Por que não baixar o nosso incrível aplicativo móvel para Android e iOS para o companheiro de viagem perfeito para encontrar alojamento barato na Europa em movimento…

Coisas para fazer na Europa de graça

1. Florença: Ver um pôr do sol a partir da Piazzale Michelangelo

things to do for free in Europe,best free things to do europe florence

Sshh!... This is a secret

Discover the "next hot backpacker destination" this 2024.

Just so you know, we will be able to see if you open our emails to help us monitor the success of our marketing campaigns. You will find further details in our data protection notice.

Situada a vinte minutos a pé do centro da cidade de Florença, a Piazzale Michelangelo proporciona a quem lá for uma das vistas mais deslumbrantes de toda a Itália. É também onde se encontra um dos “falsos Davids” da cidade. E se visitar o local durante o dia é uma coisa, apanhar o pôr do sol a partir desta praça numa noite de verão…

2. Paris: Visitar o Louvre de graça

Um dos nossos destaques de coisas para fazer na Europa de graça… Se tem menos de 26 anos, boas notícias – a entrada no Louvre é gratuita! Se não tiveres, mas fores professor, a entrada também é gratuita. Só precisa de fazer prova disso aquando da sua visita. E para todos aqueles que têm 26 anos ou mais, ou que não são professores, tomem nota que o Louvre é gratuito para todos no primeiro domingo do mês.

3. Londres: Apreciar o canto coral na Abadia de Westminster

Embora a visita a uma das mais famosas atracções de Londres possa custar 16 libras durante o dia, se deixar a sua visita para a hora do “Evensong”, que se realiza todas as noites às 17h30, não terá de pagar nada. Não só isso, como também será brindado com os sons do coro da Abadia.

4. Bruges: Visitar a Igreja de Nossa Senhora

Também conhecida como Onze-Lieve-Vrouwekerk, a Igreja de Nossa Senhora levou quase dois séculos a ser concluída e é mais conhecida pelos muitos tesouros artísticos que alberga. O mais famoso é a “Madona e o Menino” de Miguel Ângelo, que foi a única obra que saiu de Itália durante a sua vida. A entrada na igreja não custa absolutamente nada.

5. Dubrovnik: Saltar das rochas no ‘Hole in the Wall’

Também conhecido como “Cafe Buja”, o “Hole in the Wall” é um dos segredos mais mal guardados de Dubrovnik. Localizado a apenas 5 minutos a pé da Placa, a principal via da cidade, além de ser um dos bares mais populares da cidade, também é conhecido pelas rochas ao lado que são perfeitas para saltar. Por isso, quer se trate de saltos de bebé, de saltos um pouco mais altos ou de saltos para os mais fracos de coração, pode fazê-los aqui.

6. Madrid: Visite gratuitamente os museus mais conhecidos da capital espanhola

Se está a planear visitar Madrid mas ainda não reservou nada, lembre-se que dois dos museus mais conhecidos da capital espanhola são de entrada gratuita em alturas diferentes durante o fim de semana. O Museo Nacional Centro de Arte Reina Sofía é de entrada livre aos sábados após as 14h30 e durante todo o dia de domingo, enquanto o Prado é de entrada livre durante todo o dia de domingo também.

7. Praga: Passeio pelos terrenos do Castelo de Praga

Com vista sobre a capital checa e o rio Vlatva, o Castelo de Praga é a principal atração turística da cidade. Embora seja necessário pagar para entrar em certas partes do castelo, como a Catedral de São Vito e a Alameda Dourada, não lhe será pedido que entregue dinheiro apenas para passear pelos terrenos. Tente visitá-lo por volta do meio-dia para assistir à elaborada troca da guarda.

8. Budapeste: Passeio pelo Bastião dos Pescadores

Situado na metade Buda da capital húngara, o Bastião dos Pescadores é um pequeno terraço na Colina do Castelo. Não demora mais do que cinco minutos a caminhar de um lado para o outro, mas vai acabar por passar lá muito mais tempo, graças às vistas inesquecíveis da cidade que se obtêm a partir dele.

9. Edimburgo: Conquistar o Arthur’s Seat

things to do for free in Europe,best free things to do europe arthur's seat edinburgh

Embora possa não ser a forma mais relaxante de passar algumas horas, se estiver à procura de vistas que não esquecerá num instante, suba o Arthur’s Seat. O pico principal do Holyrood Park, ao qual se pode aceder caminhando até ao fundo da Royal Mile, é o que resta de um vulcão extinto. Dependendo do seu nível de condição física, a subida deve demorar pouco menos de uma hora. Se estiver à procura de vistas da cidade, mas sem uma subida tão difícil, vá até Carlton Hill.

10. Nice: Visitar o museu de arte moderna de Nice

Conhecido como MAMAC (Musée d’Art Moderne et d’Art Contemporain), a entrada no museu de arte moderna de Nice custava 4 euros, mas desde 2008, a entrada é agora completamente gratuita. Situado a dez minutos do centro da cidade, alberga colecções de Yves Klein e Andy Warhol. E não se vá embora sem ver a vista do telhado.

11. Interlaken: Visite o Lago Brienz

Para um cenário deslumbrante que o deixará sem fôlego, não deixe de visitar o Lago Brienz, que se estende por uns impressionantes 10 quilómetros. As montanhas cobertas de neve erguem-se sobre o lago mais limpo da Suíça, aumentando a atração natural da área. Também é fácil chegar aqui, graças a uma curta viagem de autocarro a partir de Interlaken. E o melhor de tudo? Esta viagem é gratuita se tiveres um cartão de visitante de Interlaken.

12. Munique: Assistir ao espetáculo do Glockenspiel

Uma das atracções mais peculiares de Munique, o Glockenspiel, é uma forma divertida de passar 15 minutos. Assista ao espetáculo duas vezes por dia, às 11h00 e ao meio-dia, na Nova Câmara Municipal, situada numa das praças mais notáveis da cidade, a Marienplatz. Porquê todo este alarido? Bem, durante o espetáculo, 32 figuras em tamanho real representam a “Dança do Tanoeiro”, uma tradição local. Todos os dias, um grande número de pessoas aflui a esta praça para assistir aos espectáculos gratuitos.

13. Sevilha: Passear pela Praça de Espanha

Há muito para ver nesta ampla praça aberta, cuja visita é gratuita. Rodeada por uma série de belos edifícios, a Plaza de España alberga uma série de alcovas interessantes. Estas estão cobertas de azulejos coloridos que representam várias vilas e cidades espanholas. E não é tudo. Aqui também se pode visitar o museu militar de Sevilha ou balançar os dedos na grande fonte situada no centro da praça.

14. Dublin: Fazer uma viagem a Howth Head

Howth é um dos subúrbios mais visitados de Dublin, e não custa nada passear e apreciar esta pitoresca aldeia piscatória. Para além dos passeios ao longo do cais, pode ver os barcos no porto e caminhar até Howth Head. Quando chegar ao cume panorâmico, pode parar para um piquenique e maravilhar-se com as excelentes vistas de Ireland’s Eye, uma ilha próxima que funciona como um santuário de aves.

15. Londres: Passear ao longo do Tamisa

best free things to do in europe thames walk london

Para ver algumas das principais atracções de Londres de forma gratuita, dê um passeio ao longo das margens do Tamisa. Não lhe vai custar um cêntimo e também é um bom exercício! Porque não começar a sua caminhada na Tower Bridge. A partir daqui, poderás ver a mundialmente famosa Torre de Londres. A Tate Modern, a Ponte de Westminster, um mercado de livros ao ar livre e muito mais podem também ser apreciados ao longo deste percurso, e estão também entre as coisas gratuitas a fazer na Europa.

16. Edimburgo: Visitar museus gratuitos na Royal Mile

A famosa Royal Mile de Edimburgo é o lar de uma infinidade de museus interessantes e informativos para visitar. Enquanto passeia, não deixe de visitar The People’s Story, The Museum of Childhood e o Writers’ Museum, para citar apenas alguns. Mas não se preocupe com o dinheiro, pois todos estes museus de topo têm entrada gratuita.

17. Milão: Coma comida grátis

Se comprar uma bebida em qualquer bar de Milão, terá direito a servir-se de pratos e mais pratos de comida para comer à mão espalhados por todo o balcão do bar. São oferecidos nachos, salsichas e muito, muito mais. Conhecida como a hora do Aperitivo, a bonança do “tudo o que puder comer” começa por volta das 18h00 todas as noites. Dois dos melhores locais que oferecem esta comida gratuita são o Le Biciclette na Via Torti e o Bar Brera na Via Brera.

18. Roma: Visitar o Museu do Vaticano gratuitamente

Se tiver a sorte de estar em Roma no último domingo do mês, vai ter uma surpresa porque, neste dia, a principal atração do Vaticano é gratuita. Milhões de pessoas visitam o Museu do Vaticano todos os anos e ficam maravilhadas com a espantosa e extensa coleção de pinturas, esculturas, artefactos religiosos e muito mais. E como se isso não bastasse, este importante museu também alberga a icónica Capela Sistina de Miguel Ângelo.

19. Berlim: Visite a East Side Gallery

things to do for free in Europe,free things to do in europe east side gallery berlin

Uma das atracções mais interessantes e comoventes de Berlim, a East Side Gallery é também gratuita. Esta galeria invulgar foi construída sobre uma das secções mais bem preservadas do infame Muro de Berlim. Perto do centro da cidade, este troço do Muro estende-se por cerca de 1,3 km e está coberto de obras de arte de aproximadamente 106 artistas internacionais.

20. Galway: Ouvir música tradicional irlandesa

Qual o melhor sítio para ouvir música tradicional irlandesa do que o oeste da Irlanda? Esta área possui uma enorme concentração dos músicos tradicionais mais competentes do país, o que é especialmente evidente durante uma visita a qualquer número de pubs na cidade de Galway. Aqui poderá ouvir bodhráns, uilleann pipes e vários outros instrumentos tradicionais irlandeses em ação. De graça!

21. Veneza: Ouvir quartetos de cordas na Praça de São Marcos

A Praça de São Marcos é o coração pulsante da cultura dos cafés de Veneza. Jantar aqui pode ser caro, mesmo que seja apenas para tomar um café, por isso porque não trazer um almoço embalado para comer na praça. Poupará dinheiro e poderá até assistir a uma atuação gratuita de uma das orquestras dos cafés circundantes. Locais como o Café Florian têm um quarteto de cordas para fazer uma serenata aos seus comensais, mas nada o impede de desfrutar do ambiente também!

22. Belfast: Visite o Castelo de Belfast

O Castelo de Belfast pode não ser uma das atracções mais conhecidas ou localizadas no centro da cidade, mas isso faz dele uma joia escondida! Oferecendo as melhores vistas de Belfast, este elegante edifício de arenito está rodeado por terrenos deslumbrantes e trilhos de montanha e é perfeito para um dia de passeio. O centro de visitantes apresenta pormenores da história do castelo, dos seus habitantes e da área circundante e a entrada é gratuita!

23. Frankfurt: Passear por galerias de arte

A arte deve ser gratuita para todos e, embora nem sempre seja esse o caso, é bom saber que alguns locais partilham esta crença. Há três galerias de arte em Frankfurt, localizadas na Fahrgasse e na Braubachstrasse, que são gratuitas para entrar e passar algumas horas a passear. São elas a Galerie Maurer (Fahrgasse 5), a Galerie Schuster (Fahrgasse 8) e a Galerie Raphael (Braubachstrasse 12).

24. Granada: Apreciar a vista no Mirador di San Nicolas

Se há uma coisa a não perder em Granada é o Mirador de San Nicolas e as espectaculares vistas de Alhambra proporcionadas a partir do seu miradouro. Durante o dia, será acompanhado por músicos e artistas e poderá comer e beber nos cafés próximos, mas é à noite que é especialmente recomendado. O pôr do sol aqui vai deixá-lo boquiaberto e apreciar tudo isto com uma cerveja na mão é a perfeição!

25. Bruxelas: Embarcar num passeio pela banda desenhada

best free things to do europe brussel comic book graffiti tour

Sem um olho treinado, pode perder algumas das atracções menos conhecidas de Bruxelas, mas essa perda pode ser evitada se se juntar a um passeio guiado pela cidade. Basta dirigir-se ao posto de turismo da cidade no Hôtel de Ville, na Grand Place, e solicitar o Passeio de Arte Cómica ou o Passeio de Arte Nova. O Passeio de Arte Cómica é especialmente interessante e abrange 30 paredes que foram transformadas em banda desenhada de livros de histórias!

26. Cork: Visitar o Museu Público de Cork

O Museu Público de Cork ocupa um belo edifício georgiano no lado ocidental da cidade, no meio de um parque. A casa em si tem uma história bastante interessante, mas são as exposições no interior que atraem as multidões. As exposições incluem artefactos com 4000 anos da escavação da cidade, modelos da época medieval e, claro, documentos e fotografias relacionados com irlandeses nascidos em Cork, como Michael Collins.

27. Varsóvia: Assistir à mudança da guarda

O Túmulo do Soldado Desconhecido é guardado 24 horas por dia, 365 dias por ano, apenas pelos voluntários de elite do exército. Escusado será dizer que não é muito divertido olhar para eles! No entanto, a guarda é mudada todos os dias às 13h00, num ritual elaborado que não deve ser perdido. O túmulo em si é dedicado aos soldados polacos desconhecidos que tombaram na Primeira Guerra Mundial.

28. Roma: Passear pelo Fórum Romano

Pode não ter sobrado muito do Fórum Romano, uma vez que não foi tão bem preservado como algumas das outras atracções de Roma, mas continua a ser um dos pontos turísticos mais populares da cidade e com boas razões. Esta área relativamente pequena era o centro do poderoso Império Romano e, nos grandes edifícios que outrora aqui se erguiam, esse império era planeado, orçamentado, realizado e governado. Pode passear gratuitamente à volta do fórum e, se usar a sua imaginação, ter uma ideia de como esta área poderia ter sido há tantos anos atrás.

29. Riga: admirar a arquitetura Art Nouvea

Riga tem uma das maiores concentrações de arquitetura Art Nouveau do mundo, com mais de um terço do Distrito Central construído neste estilo. Algumas ruas são mais impressionantes do que outras, claro, com Elizabetes, Alberta e Strelnieku, em particular, a oferecerem mais do que suficiente atrativo arquitetónico e oportunidades para fotografias de luxo. No total, existem mais de 800 edifícios Art Nouveau na cidade, mas encontrá-los a todos pode ser demasiado para os fãs mais entusiastas!

30. Londres: Ouvir as pessoas no Speaker’s Corner

A liberdade de expressão é levada ao extremo numa parte (normalmente) tranquila da zona oriental do Hyde Park, em frente à estação de metro de Marble Arch. Aqui, pessoas de todos os quadrantes da sociedade reúnem-se para falar, ouvir e troçar. Este é o Speakers Corner, onde qualquer pessoa que tenha algo a dizer ou, na maior parte das vezes, nada em particular a dizer, sobe ao seu palanque e solta as suas palavras de sabedoria. O domingo de manhã é a melhor altura para visitar, mas agora pode encontrar oradores em qualquer altura da semana.

31. Amesterdão: Ir a um concerto gratuito

Nas tardes de terça-feira, de setembro a maio, pode assistir a um espetáculo gratuito no Boekmanzaal, parte do Muziektheater da Ópera. Os artistas envolvidos incluem a Orquestra Filarmónica dos Países Baixos, entre outros. Também se podem ouvir concertos gratuitos todas as quartas-feiras à tarde, entre setembro e junho, no Concertgebouw. Os espectáculos de terça e quarta-feira têm início às 12h30. É uma excelente forma de ouvir música clássica de alto nível sem ter de pagar um cêntimo.

32. Estocolmo: Ir ver as igrejas em Gamla Stan

best free things to do europe gamla stan stockholm churches

Gamla Stan, a zona antiga da cidade de Estocolmo, está repleta de pontos de interesse, com inúmeras igrejas espalhadas por todo o lado. A entrada nestas importantes casas de culto é gratuita e, no seu interior, pode maravilhar-se com vitrais, arte de valor incalculável, artefactos e muito mais. Duas das igrejas mais conhecidas da zona são a Tyska Kyrkan, uma igreja alemã com 119 pinturas diferentes, e a Storkrykan, a catedral de Estocolmo. A Catedral é a igreja mais antiga da cidade e nela se encontra a adorada estátua de “São Jorge e o Dragão”.

32. Cracóvia: ouvir bandas de jazz gratuitamente

Uma das melhores coisas sobre a cena de música ao vivo em Cracóvia é que pode assistir a um grande número de espectáculos realizados nos bares e clubes da cidade gratuitamente. Um ótimo exemplo disto é a cena de jazz local. Na maioria das noites, é possível encontrar um dos principais artistas de jazz locais a dar um espetáculo gratuito algures na cidade. Se quiser ouvir um pouco desta excelente música, dirija-se para a zona de Rynek Glowny, que é rica em locais de topo.

34. Paris: Ver a Torre Eiffel a brilhar

Todas as noites, em Paris, é possível assistir ao espetáculo de luzes gratuito da Torre Eiffel, um dos monumentos mais famosos do mundo. Começando ao crepúsculo e continuando de hora a hora, este espetacular espetáculo dura cinco minutos e vê cerca de 20.000 lâmpadas individuais por toda a torre a acender e a apagar, iluminando a cidade em baixo. O melhor de tudo é que assistir a este espetáculo impressionante não custa nada.

35. Salzburgo: Jogar xadrez de rua gratuitamente

Se quiser fazer algo um pouco diferente, dirija-se à Kapitelplatz, no centro de Salzburgo, e experimente um jogo de xadrez de rua. Não custa nada participar e as pessoas juntam-se todos os dias para esperar pela sua vez. Um grande tabuleiro de xadrez é pintado na praça e os participantes movimentam-se à volta dele, encaixando as suas peças de grandes dimensões nos quadrados pretos e brancos. Vários barris rodeiam o tabuleiro gigante e, em cima destes, encontram-se jogos de xadrez mais tradicionais. Estes também são de acesso livre.

36. Lisboa: Visite os museus de Lisboa num domingo

Para poupar algum dinheiro enquanto visita Lisboa, espere até domingo para visitar os principais museus da cidade. Muitos destes museus oferecem entrada gratuita aos domingos, incluindo o Museu Nacional do Azulejo, que exibe o azulejo português de renome mundial. Duas das principais galerias de arte de Lisboa também são de visita gratuita ao domingo. São elas o Centro de Arte Moderna e o Museu Calouste Gulbenkian.

37. Valência: Visitar o Museu de Arte Moderna

Não deixe de visitar o popular Museu de Arte Moderna de Valência até domingo, pois o museu oferece entrada gratuita nesse dia. Aqui poderá ver uma seleção de exposições temporárias e permanentes, incluindo obras de arte de artistas nacionais e internacionais. Os trabalhos aqui expostos abrangem pintura, escultura, instalações de vídeo e muito mais, um deleite para qualquer amante de arte.

38. Berlim: Subir ao topo do Reichstag

best free things to do europe berlin reichstag

Coroado por uma cúpula de vidro que o torna facilmente distinguível entre os restantes edifícios de Berlim Oriental, o Reichstag é a sede do Bundestag (Parlamento alemão) desde 1999. Os visitantes podem visitar o terraço do edifício, que oferece vistas deslumbrantes sobre a cidade, bem como a cúpula acima mencionada, que documenta a história colorida do edifício.

39. Barcelona: Visitar a Catedral de la Seu

Situada na Plaça de la Seu, no coração do Barri Gotic, esta catedral foi construída entre os séculos XIII e XV, embora o pináculo e a fachada só tenham sido acrescentados no final do século XIX. Embora o interior da catedral seja de cortar a respiração, não deixe de visitar a Capella de Lepanto no mesmo terreno, onde encontrará um lago de gansos brancos. A entrada na catedral é gratuita.

40. Colónia: Explorar o ‘Rheinpark’ da cidade

A maior área de parque de Colónia, o Rheinpark, como o nome sugere, encontra-se ao longo das margens do rio Reno. Repleto de muitas atracções, possui áreas de recreio e extensões de areia de praias fluviais. Perfeito para um dia descontraído de banhos de sol, é também um ótimo local para andar de patins, se procura actividades mais activas.

41. Londres: Visite as galerias e museus gratuitos de Londres

Muitos dos museus e galerias de Londres são gratuitos. Mas não estamos a falar de quaisquer museus antigos… estamos a falar dos melhores museus da cidade! Isto inclui o Museu Britânico em Great Russell St. (que é a atração mais visitada de Londres), a Galeria Nacional em Trafalgar Square, a Galeria Nacional de Retratos ao virar da esquina em St Martin’s Place, o Tate Modern e o Tate Britain no rio Tamisa, e o Museu de História Natural, o Museu da Ciência e o Museu Victoria and Albert, todos em South Kensington. Veja o nosso artigo 15 Coisas para fazer de graça em Londres para algumas ideias de mega orçamento!

42. Atenas: Subir a colina Filopappou

best free things to do europe Athens Filopappou Hill

Subir a Colina Filopappou Localizada a apenas 15 minutos a pé dos portões da Acrópole, a Colina Filopappou é o melhor lugar em Atenas para se ter uma vista do Partenon, o que significa que possui a melhor vista da cidade. A entrada no local é gratuita e a subida não é muito cansativa. Também se tem uma boa vista do resto da cidade a partir do topo.

43. Munique: Visitar os museus nos dias livres

A maioria dos museus de Munique cobra uma taxa de entrada, mas os que pertencem à cidade de Munique são gratuitos todos os domingos. Isto inclui a Glyptothek, com as suas colecções de antiguidades gregas e romanas, e o Münchner Stadtmuseum (Museu Municipal), que oferece uma visão da história da cidade e da vida quotidiana dos seus habitantes. Descubra mais formas de passar 3 dias em Munique.

44. Copenhaga: Ver o túmulo de Hans Christian Andersen

Visite o Cemitério de Assistens em Nørrebro para ver os locais de descanso final de cidadãos dinamarqueses notáveis como Hans Christian Andersen e o físico Niels Bohr. Repleto de árvores e plantas, é também um parque tranquilo para passear num dia de sol.

45. Dublin: Visite os museus e galerias gratuitos da cidade

Dublin tem cinco museus e galerias nacionais, todos com entrada gratuita. Estes incluem a Galeria Nacional na Merrion Square, o Museu de História Natural na porta ao lado, o Museu Nacional de Arte Moderna no Royal Hospital, Kilmainham e o Museu de Artes Decorativas e História em Collins Barracks. Para mais coisas divertidas e gratuitas para fazer, consulte o nosso artigo 15 coisas para fazer de graça em Dublin .

46. Praga: Assistir à Procissão dos 12 Apóstolos

De hora a hora, de manhã à noite, centenas de pessoas reúnem-se junto ao Relógio Astronómico da Câmara Municipal, na Praça da Cidade Velha, para a “Procissão dos Apóstolos”. Com a duração de apenas alguns minutos, esta procissão vê os 12 apóstolos acenarem com a cabeça ao passarem por cima do relógio, enquanto um sino toca de forma algo mórbida. Depois de a ver, pode perguntar-se o porquê de tanto alarido.

47. Glasgow: Visitar a Galeria de Arte Moderna

best free things to do in europe glasgow museum of modern art

As galerias de balcão e as salas maiores estão repletas de exposições interessantes e instigantes. Para além de artistas internacionais de renome, este museu na Royal Exchange Square também exibe obras de arte de nativos escoceses.

48. Berlim: Entrar gratuitamente nos melhores museus

Se planeia visitar qualquer um dos Museus Nacionais de Berlim, deixe a sua visita para as quintas-feiras à noite (depois das 18h00), quando todos são gratuitos. Há 16 no total. Isto inclui todos os museus em Museumsinsel, o Museu de Artes Decorativas em Tiergarten, e o Museu de Arte Indiana em Taku Str. Para mais ideias fantásticas e gratuitas em Berlim, consulte o nosso guia de 15 coisas para fazer de graça em Berlim, não se vai arrepender!

49. Viena: Visitar o ‘Stephansdom’

free things to do europe vienna stephansdom

Para muitos, o Stephansdom é o edifício mais imediatamente reconhecível de Viena. Construído no local de uma igreja que data de 1144, as suas características mais marcantes são a sua torre gótica e o telhado de telhas – tem mais de 250.000 no total. Reservar hostels em Viena | Guia de bolso de Viena

50. Málaga: Apanhar uns raios de sol na praia!

Uma das coisas pelas quais Málaga é mais conhecida são as suas longas praias. A praia de La Malagueta fica a uma curta distância a pé do centro da cidade e aqui pode apanhar sol, nadar ou fazer bom uso das áreas de lazer espalhadas. Durante o verão, a praia pode ficar bastante cheia, com os turistas a irem para a praia para se bronzearem.

Mal pode esperar para começar a sua aventura com o Hostelworld? Visite a nossa página de mochileiros agora para ajudá-lo a começar e não se esqueça de baixar o nosso aplicativo incrível no Android e iOS para ajudar a tornar as suas viagens fáceis!

Obrigado a brando.n, Matt Machin, seanfonell, Emma Martell, Guillaume Capron, Jorge Láscar, Josiah Mackenzie, taver, Stephane333, Dennis Jarvis pelas fotos.

Get the App. QRGet the App.
Get the App. QR  Get the App.
Rolar para o topo